Posso avaliar o passado e afirmar com convicção que fiz uma diferença na qualidade dos programas de treinamento oferecidos durante todo o período em que atuei em diversas organizações, desde 2008. Entretanto, somente quando comecei a atuar como instrutor contratado pela Cellebrite em 2013, tive certeza de que poderia fazer uma diferença expressiva no que era ministrado nesse espaço. Desde que foi designado à equipe da Divisão Global de Treinamento da Cellebrite, passei a participar da identificação, reparação e melhorias na qualidade dos currículos e dos nossos cursos de certificação.

Visite o Centro de Aprendizagem da Cellebrite  

Se você não sabe, não sabe.

Durante a minha carreira nas forças da lei, compareci e participei de mais de duas mil horas de treinamento, conferências e apresentações em campo na área de perícias digitais, todas documentadas. Posso dizer sinceramente que estive na presença de algumas das maiores mentes do mundo. Infelizmente, eu também testemunhei algumas das piores e mais desorganizadas apresentações da mesma forma.

Desde a época em que me tornei Instrutor de Polícia Certificado pelo Estado da Flórida, nos anos 1990, prometi a mim mesmo que nunca teria medo de dizer “eu não sei” quando um estudante me fizesse uma pergunta. Também prometi a mim mesmo nunca forjar uma resposta – somente ter uma resposta de fato! Finalmente, me comprometia com meus alunos, no início de cada aula, que se não tivesse a resposta para alguma pergunta, faria o melhor que pudesse para encontrar a resposta antes do final do dia ou da semana.

Quando comecei a trabalhar na Cellebrite, passei a administrar e dirigir a área de currículos – um desafio absoluto, para dizer o mínimo. Se você for um de nossos clientes, você sabe que nossos produtos são atualizados com bastante frequência, não apenas oferecendo suporte à extração de dados de novos dispositivos, mas também assistindo na análise de dados com o Physical Analyzer.

Com tantas novas atualizações e funcionalidades, nossa equipe é desafiada regularmente a manter currículos atuais e relevantes. Trabalhando em conjunto com nossos instrutores e desenvolvedores, conseguimos gerar e publicar atualizações dos nossos guias para participantes diversas vezes ao ano.

Do ponto de vista dos treinamentos, devido à dedicação excepcional à nossa missão de treinar os profissionais, nossos instrutores de perícia forense discutem em apresentam novos recursos e funcionalidades oferecidos, logo após seu lançamento – mesmo quando o currículo ainda não está pronto. Parabenizo todo o nosso quadro de colaboradores e profissionais do mundo real pelo mundo afora, pelo que fazem, pelo nível de profissionalismo que demonstram – obrigado a todos pela sua dedicação à profissão.

Para onde vamos agora?

Há pouco tempo, o currículo foi deixado nas mãos de pessoas muito competentes, e agora eu tenho a missão de dirigir nossos programas de certificação e o sistema de gestão de aprendizagem. Juntamente com algumas das mentes mais brilhantes do setor que atuam como especialistas na área, estamos examinando e atualizando nossas principais competências, não apenas na área de perícias forenses, mas também em cada programa de certificação que oferecemos.

A meta é assegurar que cada uma dessas áreas seja fundamentada em pesquisas e estimulada por práticas consagradas, permitindo-nos atender aos padrões de garantia de qualidade e ao processo de avaliação de colegas. Como equipe, nos dedicamos a essa meta, pois queremos assegurar a mais alto nível de qualidade da instrução e da experiência de aprendizagem dos alunos, para os nossos clientes.

Passar por esse processo não é uma coisa muito simples. Entretanto, iniciamos a jornada para garantir que cada um dos nossos clientes fiéis, assim como dos alunos, novos, atuais e anteriores, tenham acesso ao melhor programa de treinamento e certificação em perícias forenses da categoria no setor.

Sobre o autor:

Danny é diretor de certificação e tecnologia de aprendizagem da Cellebrite, e gerencia o desenvolvimento e a relevância dos programas de certificação em perícia de dispositivos móveis. Além da sua experiência anterior como profissional em perícias digitais e gerente de laboratório forenses do Departamento de Polícia de Miami-Dade, Danny é um instrutor experiente de perícias em computadores e dispositivos móveis. Desde 2008, ele ministrou cursos de perícia forense em celulares e computadores, do nível básico ao avançado, a milhares de estudantes em todo o mundo, em inglês e espanhol.

Para obter mais informações, visite o site do Centro de Aprendizagem da Cellebrite

Share this post